NOTÍCIAS

28/04/2017

WhatsApp dá dicas para usuário evitar notícias e informações falsas

 

Com mais de 1,2 bilhão de usuários no mundo, o WhatsApp é uma das plataformas mais usadas para a difusão de notícias e informações falsas atualmente. Pensando nisso, o aplicativo publicou nesta semana um breve guia para ajudar seus usuários a se protegerem desses conteúdos (veja abaixo).

 

Entre diferentes dicas bem básicas, o WhatsApp aconselha os usuários a ficarem de olho em mensagens com erros gramaticais, links desconhecidos, promoções, pedidos de compartilhamento de conteúdo e de envio de dados pessoais e mensagens “oficiais” do próprio aplicativo.

 

Além disso, o WhatsApp dá um passo a passo sobre como os usuários podem denunciar conteúdos ilegais compartilhados pelo aplicativo de mensagens que possui mais de 100 milhões de usuários no Brasil.

 

A ainda tímida iniciativa da plataforma de mensagens do Facebook acontece após o próprio Facebook e o Google, entre outras empresas, tomarem medidas contra a difusão de conteúdos ilegais e notícias falsas em suas plataformas.

 

Veja: http://idgnow.com.br/internet/2017/04/25/whatsapp-da-dicas-para-usuario-evitar-noticias-e-informacoes-falsas/





COMENTÁRIOS





Confira outras Notícias

Microsoft é processada em US$ 600 milhões por falha em atualização do Windows

Microsoft é processada em US$ 600 milhões por fa...

O americano Frank Dickman, morador do estado do Novo México, decidiu acionar a companhia judicialmente pedindo US$ 600 milhões. O motivo? Seu notebook apresentou problemas com a...

15/02/2018 continue lendo  

Google testa um novo visual para o Chrome no Android; veja como experimentar

Google testa um novo visual para o Chrome no Andro...

A empresa incluiu na versão Canary do navegador, que é o canal mais experimental e instável do Chrome, a possibilidade de usuários conhecerem e testarem a nova interface, que a...

15/02/2018 continue lendo  

Anatel quer lançar edital de frequência para 4G no 2º semestre

Anatel quer lançar edital de frequência para 4G...

Em 2014, Claro, TIM e Vivo arremataram licenças de 4G na faixa de 700 MHz, mas houve sobras.

15/02/2018 continue lendo